O DOMAINE

Laujac é habitado desde a Antiguidade. Mas, somente no início do século XIX, o Senhor de Villeminot adquire as terras empossadas pela família de Aujeard nos tempos de Luís XIV para erguer o castelo que enfeito os rótulos da vinícola. Em 1824, ele cede as terras aos Cabarrus, negociantes em Bordeaux, que as vendem para a família Cruse, em 1852. Desde então, Laujac permanece na mesma família. Bernard Cruse, que representa a 5ª geração, administra a propriedade desde 1962. Situado no coração de Médoc, o Château possui uma superfície total de 400 hectares, que engloba dois vinhedos: o de Laujac e o de Laffitte. O primeiro é localizado no cume da serra de Graves filtrantes, o que lhe assegura uma excelente drenagem natural. Já o segundo está sobre solos argilo-calcários, próximos ao vilarejo de Bégadan. A proximidade do domaine com o estuário do Gironda cria um microclima muito favorável à adequada maturação das uvas. Os vinhos do Château são provenientes de uma assemblagem de rótulos produzidos em formações geológicas diferentes. A variedade de castas é composta por 60% Carbernet-Sauvignon, 30% Merlot, 5% Cabernet-Franc e 5% Petit-Verdot. Desde a safra de 2003, o enólogo do Château Laffitte Laujac é o especialista em vinhos do Médoc, Eric Boissenot.

FOTOS